JEEP GRAND CHEROKKE 4XE É CONFIRMADO PARA O BRASIL

SUV grande está previsto para chegar ainda em 2022 e preço pode superar os R$ 500 mil

A Jeep lançou recentemente o novo Compass 4xe importado da Itália, e o próximo da lista de SUVs híbridos da marca a desembarcar por aqui já está confirmado: vem aí o Jeep Grand Cherokee 4xe.  

Como este modelo está, no catálogo da fabricante, acima do Compass híbrido, que é oferecido no Brasil em versão única por R$349.990, a expectativa é de que o irmão maior seja comercializado com preços acima de R$ 500 mil.

O valor exato também vai depender da versão que chegará por aqui. Nos EUA, por exemplo, existem três opções à venda: Overland, Summit e Summit Reserve, sendo a última destas a mais luxuosa.

Apesar de ser um SUV grande, com capacidade para cinco pessoas, essa novidade da Jeep tem uma cabine menor em relação Grand Cherokee L, que comporta até sete pessoas e é movido com motor somente a combustão.

Funcionamento do conjunto híbrido:

O Grand Cherokee 4xe utiliza motor 2.0 turbo de 274 cv de potência , que trabalha em conjunto com outros dois elétricos, sendo um motor gerador de alta tensão colocado na função de substituir o motor de partida e o alternador, enquanto o outro elétrico possui 136 cv. O câmbio é automático de 8 marchas com dupla embreagem e a tração é 4×4.

O novo Cherokee utiliza sistema híbrido plug-in bem parecido com o do Compass. A diferença é que no caso do SUV grande o motor elétrico mais potente fica alocado entre o motor a combustão e o câmbio automático, local em que ficaria o conversor de torque.

Como o motor a combustão pode trabalhar somente como gerador, existe uma embreagem para desliga-lo do propulsor elétrico mais potente de 136 cv, sendo este capaz de mover o carro sozinho. Esse conjunto ganha em eficiência e melhor dirigibilidade graças a embreagem extra que está entre o câmbio e o propulsor elétrico.

De acordo com a Jeep, essa potência combinada pode chegar aos 380 cv e 64,8 kgfm de torque. Equipado com bateria de 17 kWh e 400V, a autonomia no modo 100% elétrico é de 40 km. O híbrido plug-in consome em média 24,2 km/l de gasolina.Além do Cherokee híbrido, existem chances da Jeep trazer o Renegade 4xe ao Brasil. Por aqui, a única certeza é que o Grand Cherokee somente a combustão segue sendo vendido com motor 3.0 turbodiesel V6 de 240 cv. 

Fonte: Icarros

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.